O TDAH pode começar desde a infância e como consequência pode permanecer na idade adulta e contribuir para o uso de álcool e drogas. Saiba mais… 

Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) e a Dependência Química!
O Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) é uma síndrome que apresenta problemas de desatenção, hiperatividade e impulsividade
 
O TDAH se caracteriza por uma combinação de dois tipos de sintomas:

1. Desatenção

 

Não completa tarefas, não obedece às instruções passo a passo por impaciência ou falta de persistência.
Apresenta um estilo de vida desorganizado com dificuldade em se organizar em trabalhos, em controlar as contas e de chegar no horário combinado.
Muda de atividade, geralmente, sem completar a anterior.

2. Hiperatividade-impulsividade

 

Não permanece sentado por muito tempo.
A pessoa responde antes de ouvir toda a pergunta.
Age por impulso em relação às compras, decisões importantes, rom- pimento de relacionamentos com arrependimentos frequentemente.
Apresenta reações com rápidas e passageiras explosões de raiva, tipo “pavio curto”.
O TDAH é uma das comorbidades mais prevalentes entre dependentes de crack, álcool ou outras drogas. Frequentemente passam despercebidas, sendo confundidas com características de personalidade ou efeito das drogas. O TDAH não tratado interfere na ressocialização do dependente quando atinge a abstinência, pois dificulta sua adequação em ambientes de estudo e trabalho.
Eles apresentam início mais precoce da experimentação de substâncias psicoativas, uma maior gravidade da dependência com mais recaídas e abandonos do tratamento. A prevalência de TDAH em dependentes de crack, álcool ou outras drogas, em especial em usuários de cocaína e crack, é maior que o encontrado para a população geral.
O TDAH na infância em geral se associa a dificuldades na escola e no relacionamento com colegas, pais e professores. As crianças são tidas como “avoadas”, “vivendo no mundo da lua” e geralmente “estabanadas”, ou seja, não param quietas. Os meninos tendem a ter mais sintomas de hiperatividade e impulsividade que as meninas, mas a desatenção é comum a ambos. Crianças e adolescentes com TDAH podem apresentar mais problemas de comportamento, como, por exemplo, dificuldades com regras e limites. Antigamente, esse diagnóstico era restrito às crianças, hoje se sabe que em até 65% dos casos os sintomas tendem a permanecer na vida adulta. Adultos com transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) apresentam prevalência na vida muito maior de transtornos mentais decorrentes do uso de drogas.
Por isso, é importante que o TDAH seja tratado logo na infância, a fim de prevenir os fatores de risco para o suso de álcool e/ou drogas, uma vez que a dependência química pode ser uma consequência do TDAH.
 
Se você tem um filho ou convive com alguma criança com estes sintomas segue um curso completo que vai ajudar você a lidar com o TDAH. 

O TDAH não tratado pode causar sérios prejuízos no futuro, então, comece agora a mudar o futuro de quem você ama!

Curso – Como lidar com Crianças Hiperativas

 
Um curso completo e dinânimo!
 
 

Conteúdo do curso

Como Lidar com Crianças Hiperativas!üApresentação
 
Unidade 1: Desenvolvimento Humano
 
üO Desenvolvimento Humano
üPiaget:A Teoria do Desenvolvimento Cognitivo
üVigotski: A Teoria do Desenvolvimento Interacionista
üFreud: A teoria do desenvolvimento psicossexual
 
Unidade 2: Distúrbios do Desenvolvimento e da Aprendizagem
 
üOs Distúrbios que Afetam o Desenvolvimento
üPsicologia da Aprendizagem
üFernández: Modalidades de Aprendizagem
üPaín: Dificuldades de Aprendizagem
 
Unidade 3: Hiperatividade
 
üTDAH
üDiagnóstico de TDAH
üTratamentos para TDAH
üTDAH em Crianças
 
Unidade 4: Propostas de Atuação com Crianças Hiperativas
 
A família, a Escola e a Aprendizagem.
 
Como lidar com a criança portadora de TDAH na escola
 
A família e o TDAH
 
Estudo de Caso: A Triangulação Familiar e a Aprendizagem
 
Informações
 
*Duração: 16 Horas
*Tempo de Acesso: 30 dias corridos após a matrícula
 

Vantagens do curso

 
üFácil acesso, podendo ser realizado a qualquer hora e lugar.
üFerramentas interativas e suporte online.
üBiblioteca Virtual contendo indicações de sites, livros, entre outros materiais para pesquisa.
üDicas e atividades propostas pelo Autor.
üCertificado de Conclusão.
Autor
 
Renata Munhoz
 
Bacharelado e Licenciatura Plena em Psicologia pela Universidade Presbiteriana Mackenzie;
Especialista em Cinesiologia Psicológica pelo Instituto Sedes Sapientiae;
Pós-graduada em Psicopedagogia pelo Centro Universitário FIEO;
Autora de diversos cursos e obras, tais como: “Adolescência é só Problema”, “Inteligência, Subjetividade e Aprendizagem Escolar”, “O professor político”, e outros.
Atua também como Psicóloga em Consultório próprio na cidade de São Paulo/SP
 
Requisitos
 
– Internet Explorer 9.0 ou Mozila firefox 5.0
– Flash Player 10 ou superior
– Banda 128 kbps (mínima)
– Pentium 4 – 2.0 GHz (GigaHertz)
– Memória 512MB

Aprenda como lidar com Crianças Hiperativas!

 
 
 
 

Para saber mais informações ou esclarecer dúvidas entre em contato conosco:

sossobriedade@gmail.com

 


Share