A Penicilina, também conhecida como Benzatacil é um dos antibióticos mais usados na medicina. Saiba mais sobre a penicilina e seus efeitos!


Penicilina (Benzetacil), o que e e quais os efeitos

Penicilina (Benzetacil), o que e e quais os efeitos 

A Penicilina é um medicamento pertencente à classe dos antibióticos, cujo princípio ativo é a Benzatina. É vendida comercialmente com o nome de Benzetacil ou Climaciclim, e sua principal via de administração é por injeção intramuscular. No entanto, também é possível tomar Penicilina Benzatina por via oral, em forma de comprimido, para infecções menos graves.

Quando utilizada por via oral, recomenda-se ingeri-la 2 horas antes ou depois da refeição, para aumentar seu potencial absortivo. Pode-se tomar com alimento, caso ocorra desconforto gastrointestinal. Ela não deve ser ingerida em simultâneo com suplementação de vitamina K.



Indicações da Penicilina (Benzatacil)


A Penicilina é indicada para o tratamento da febre reumática; glomerulonefrite; infecção por estreptococos (Grupo A); sífilis primária, secundária, latente ou terciária, com exceção da neurosífilis.

Efeitos colaterais da Penicilina (Benzatacil)


O uso da penicilina pode gerar os seguintes efeitos colaterais: anorexia; candidíase oral; desconforto epigástrico; diarreia; flatulência; língua escura; boca seca; alteração no paladar; erupções cutâneas; choque anafilático; neuropatia ou nefropatia em altas doses parenterais. A reação alérgica, eventualmente provocada, pode ser fatal.

No local da aplicação da injeção pode ocorrer: erupção da pele; urticária.


Contraindicações da Penicilina (Benzatacil)


A penicilina está contraindicada durante a gestação (cat.B), lactação e em caso de insuficiência renal.

Em uso a longo prazo ou altas doses endovenosas a monitorização do equilíbrio hidroeletrolítico, função renal e hemograma são indispensáveis.


Siga a nossa página!

Gostou? Então compartilhe!

Tweet



Recomendamos que leia também




Fonte:
http://www.tuasaude.com/penicilina-benzetacil/



Share